3 de ago de 2016

LUCIANO CONCEIÇÃO - 5 dicas para melhorar a sua comunicação

Leitor(a) querido(a),

Que tal exercitar a comunicação? Caso tenha paciência de chegar até o final do texto, não perca a oportunidade de interagir, certamente você já ouviu a máxima do Chacrinha: "quem não se comunica se trumbica!". Então comunique, após a leitura do texto deixe seu comentário aqui no blog. 

Este texto é curto e não tem a pretensão de sanar todas as dificuldades acerca da capacidade de comunicar, contudo tem a intenção de contribuir, de ser útil e ajudá-lo(a) a estabelecer diálogos.

Talvez você já tenha perdido boas oportunidades por ter dificuldade em se expressar, provavelmente ficou deprimido e lamentou muito a oportunidade perdida, mas o que você tem feito para mudar essa situação? Lamentações não resolvem problemas, para superar as nossas dificuldades é preciso ter vontade e atitude! Que tal superar a dificuldade de se comunicar? Tenho certeza que você é capaz!

A dificuldade de ser compreendido, de se fazer entender, pode colocar em xeque sua competência profissional e dificultar suas relações pessoais. O escritor Reinaldo Passadori diz que a comunicação tem poder altamente transformador, pois pode levar ao conflito ou ao entendimento. Passadori tem razão, pois, a comunicação é elucidativa, ela pode, por exemplo, transformar cisão em união, porém o contrário também poderá ocorrer, uma vez esclarecidas as opiniões, as partes podem chegar à conclusão que a separação é inevitável. Vale ressaltar que não podemos confundir comunicar com trocar informações.

Comunicar é ter a aptidão para estabelecer diálogos, para tanto, compreendendo que precisamos exercitar a nossa capacidade de nos integrar, cooperar, colaborar, ouvir, bem como inúmeras outras virtudes necessárias para conviver em comunidade. Sustento essa afirmação porque comunicar elimina a possibilidade do isolamento, pois o sujeito só comunica quando ele interage com outrem.

Provavelmente você já presenciou, quiçá se envolveu em uma situação embaraçosa devido a uma palavra mal-empregada, uma mensagem que não foi compreendida por parte dos interlocutores, por isso, deve estar ansioso pelas dicas:

DICA 1
Utilize uma linguagem simples, evite palavras rebuscadas, ser compreendido é mais importante que impressionar.

DICA 2
Leia - o máximo que puder -, pois leitura amplia o nosso vocabulário. Sempre que encontrar uma palavra que não conheça o significado, por favor, não queira ser adivinho(a),  pegue o dicionário - ele serve pra isso!

DICA 3
Demonstre respeito e ouça atentamente, sem interromper o interlocutor. Precisamos escutar a nós mesmos e aos outros. Certifique-se que está realmente dizendo o que deseja dizer. O escritor Marshal Rosenberg, nos aconselha a evitar que nossas palavras sejam reações repetitivas e automáticas. Ele afirma que nossas palavras devem ser respostas conscientes sobre o que estamos percebendo e sentindo.

DICA 4
Mais uma dica do livro “Comunicação não violenta”, escrito por Marshall Rosenberg: devemos aprender separar a observação da avaliação, ou seja, precisamos observar atentamente, sem acrescentar nenhuma avaliação ao que ouvimos. Dessa forma, poderemos comunicar e estabelecer diálogos.

DICA 5
Leia o poema abaixo, escrito por Ruth Bebermeyer.

PALAVRAS SÃO JANELAS (OU SÃO PAREDES) autora:

Sinto-me tão condenada por suas palavras,
Tão julgada e dispensada.
Antes de ir, preciso saber:
Foi isso que você quis dizer?
Antes que eu me levante em minha defesa,
Antes que eu fale com mágoa ou medo,
Antes que eu erga aquela muralha de palavras,
Responda: eu realmente ouvi isso?
Palavras são janelas ou são paredes.
Elas nos condenam ou nos libertam.
Quando eu falar e quando eu ouvir,
Que a luz do amor brilhe através de mim.
Há coisas que preciso dizer,
Coisas que significam muito para mim.
Se minhas palavras não forem claras,
Você me ajudará a me libertar?
Se pareci menosprezar você,
Se você sentiu que não me importei,
Tente escutar por entre as minhas palavras
Os sentimentos que compartilhamos.

Espero que tenha gostado do texto, obrigado por ter lido! Por favor, exercite a sua capacidade de comunicar, procure a melhor maneira de utilizar as suas palavras, utilize-as como janelas ou como pontes!

AUTOR: Luciano Conceição






6 comentários:

Osvaldo Silva Filho disse...

Gostei tanto que compartilhei

jal vaz disse...

Adorei professor,palavras são janelas ou paredes,boa dica

ana patricia disse...

Ja perdi boas oportunidades por ter dificuldade em me expressar, e no final acabei percebendo que a pergunta era boba só bastava eu ter prestado mais atenção no que se perguntava.

Bruna Patricia disse...

Leia - o máximo que puder -, pois leitura amplia o nosso vocabulário

Milena Torres disse...

Adorei, texto excelente. Parabéns! !!

Unknown disse...

Bastante coerente,e de suma importância para o nosso desenvolvimento pessoal e profissional.